João Morgado revela “Diário dos Infelizes” em Castelo Branco

Obra venceu Prémio Literário Ferreira de Castro 2019

0
1208
João Morgado, presidente da Casa do Brasil – Terras de Cabral e escritor
- Publicidade -

O escritor português João Morgado volta à cena literária com um novo livro que traz à tona, em tom de romance, o tema do cancro da mama. “Diário dos Infelizes”, o mais recente trabalho deste autor premiado internacionalmente, será apresentado ao público em Castelo Branco, Portugal, no próximo dia 30 de novembro, pelas 18h, nas instalações da Biblioteca Municipal de Castelo Branco.

A obra vencedora do Prémio Literário Ferreira de Castro 2019 aborda as dificuldades emocionais de um casal que se vê confrontado com o cancro da mama no seio da sua relação já difícil. O livro será apresentado pela professora Cristina Granada e haverá leituras públicas de trechos do livro por parte da escritora e empresária Sofia Lourenço e Elizabete Almeida, engenheira alimentar, que irá também participar com um testemunho.

Na abordagem ao tema, Cláudia Dias dará um testemunho de como sobreviveu ao cancro e das implicações que a doença teve na sua vida. Um alerta na primeira pessoa.

“Procurei tratar um assunto duro e frio com uma abordagem poética e serena para que as dores fossem diluídas no livro e se tornasse uma leitura agridoce”, referiu João Morgado.

“O livro está centrado nas emoções dos personagens, não na doença. Os meus livros contemporâneos são viagens à intimidade dos casais e, neste caso, saber se a doença é um castigo pelos seus pecados ou pode ser redentora!”, comentou o autor.

“Tem personagens extraordinários que nos reconciliam com a literatura”, disse Luís Osório, escritor.

“Diário dos Infelizes” fecha a “Trilogia da Intimidade” do autor, juntamente com o “Diário dos Infiéis” e “Diário dos Imperfeitos” (Prémio Literário Vergílio Ferreira 2012).O livro tem edição internacional pela Amazon e pela plataforma Clube de Autores para o Brasil e pode ser adquirido em: https://linktr.ee/jmorgado_vendas

Homenagem aconteceu durante o XXVII Congresso Internacional de Antropologia Ibero-Americana e as III Jornadas Internacionais de Etnografia em Leiria

No dia 17 de novembro, o sucesso literário de João Morgado levou-o a integrar o Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, na categoria “Académico Correspondente”.

Durante a apresentação deste novo livro, que passará também pela Covilhã e por outros destinos, Morgado será homenageado pela Academia de Filosofia e Ciências Humanísticas Lucentina, com sede no Rio de Janeiro. ■

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui