Evento da APG atraiu um “mar de gente” para discutir “pessoas” em Lisboa

Gestores lusófonos estiveram presentes para partilhar experiências sobre Recursos Humanos e Gestão de Pessoas nas organizações

0
938
Encontro aconteceu na capital portuguesa no dia 20 de outubro
- Publicidade -

Um ambiente de partilha de ideias e motivação. Foi este o resultado do maior encontro de recursos humanos já realizado em Portugal. A “54ª INTERNATIONAL PEOPLE CONFERENCE”, evento organizado pela Associação Portuguesa de Gestão das Pessoas (APG), teve lugar no último dia 20 de outubro no Pavilhão Carlos Lopes, em Lisboa.

Mais de mil participantes estiveram presentes, representando 51 países. Na plateia, profissionais da área de recursos humanos e de gestão das pessoas que assistiram, desde um palco no formato 360º, a visão de especialistas de renome que comentaram casos e experiências com pessoas nas organizações. Membros da European Associations of People Management e do World Federation of People Management Associations, bem como gestores de pessoas dos vários Estados do Brasil e dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa estiveram na capital lusa.

Programa contemplou grandes nomes ligados a organizações internacionais

Em entrevista à nossa reportagem, Pedro Ramos, presidente da Associação Portuguesa de Gestão das Pessoas, revelou novas ações e explicou o sentimento após o evento.

“O balanço é francamente positivo. As nossas melhores expetativas foram superadas. Conversei com cada convidado e palestrante e recebi um feedback muito positivo. Estamos a construir uma nova pegada que serve para agregar valor a nível internacional no que toca às ações da APG”, comentou este responsável, que confirmou que, em março de 2024, será realizada a segunda edição da HR DIGITAL, um evento dedicado às tecnologias na área da gestão das pessoas.

Paulo Sardinha, presidente da Diretoria Executiva da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), mencionou que alguns temas merecem atenção no universo das organizações.

“A APG é uma associação irmã da ABRH. Neste evento em Lisboa, esteve presente uma representação muito forte do Brasil. É sempre uma oportunidade de troca de experiências muito grande. Chegamos aqui com um tamanho e saímos daqui com um tamanho ainda maior. O conhecimento que se troca aqui é fundamental. Temos alguns grandes desafios, como a inteligência artificial, mas, no cento de tudo, está o ser humano. Os profissionais deverão fazer essa transição para um novo mundo habitado pela inteligência artificial”, comentou Sardinha.

Pedro Ramos, presidente da APG, e Paulo Sardinha, presidente da ABRH

Por seu turno, Abdel Camará, membro da Confederação Empresarial da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CE-CPLP), destacou a relevância da iniciativa da APG.

“Este evento é muito bom porque auxilia nas iniciativas das empresas que contam com pessoas. Esta iniciativa ajuda-me a conectar com outras grandes empresas que têm o objetivo de aumentarem as suas performances e perceberas suas necessidades”, disse Camará.

A oportunidade de ouvir e adquirir experiência foi o ponto focado por Leandro Barros, empresário brasileiro nos Açores.

“Desde maio que eu acompanho tudo que está acontecendo neste evento. Estar aqui, em contacto com a nata dos gestores de recursos humanos do mundo, é um privilégio”, afiançou.

Já Amália Morato, cofundadora da Comunidade de Recursos Humanos de Angola, reiterou que “as pessoas são o diferencial das organizações” e defendeu que “a partilha de experiências e de conhecimentos auxilia outras instituições que estão a dar os primeiros passos profissionais”.

Pedro Ramos e Carla Caracol, vice-presidente da APG e HRD na Renascença Multimedia Group

O programa central contou com nomes como António Damásio, neurocientista e professor; Roberta Medina, vice-presidente do Rock In Rio, Paulo Pereira, treinador da seleção portuguesa de handball; Even Bolstad, presidente da European Association for People Management; Carla Caracol, vice-presidente da APG e HRD na Renascença Multimedia Group; Bruno Osório, Executive Chairman na Adamastor Studio; Anthony Ariganello, presidente do World Federation Of People Management Associations; entre muitos outros nomes.

Prof. Doutor Ivandro Soares Monteiro, psicólogo clínico e professor universitário português, lançou o livro “Mudamos Pelo que Fazemos”

A “54ª INTERNATIONAL PEOPLE CONFERENCE – by APG” abriu espaço também para a cultura, com o lançamento de livros, como o do próprio Pedro Ramos, “Gestão de Pessoas: de A a Zen”; e a obra do Prof. Doutor Ivandro Soares Monteiro, psicólogo clínico e professor universitário português, “Mudamos Pelo que Fazemos”. A componente musical esteve presente com o brasileiro “Maninho” e a banda Calema, de São Tomé e Príncipe.

“Foi um programa bem focado no conceito de “Experiências com Pessoas”, desenhado e concebido para dar sentido aquilo que hoje são os maiores desafios da Gestão das Pessoas no mundo. Gente do mundo dos negócios, mas também da música, das artes, da poesia, das lideranças militares, do espetáculo, das várias ciências e academia, futuristas e pragmáticos. Todos estiveram na arena gigante do Pavilhão Carlos Lopes para fazer história e contar estórias de pessoas e para pessoas a bordo”, finalizou Pedro Ramos.

Durante o evento, Pedro Ramos lançou livro e recebeu uma “Moção de Honra ao Mérito” da Academia de Filosofia e Ciências Humanísticas Lucentina, com sede no Brasil, entidade signatária do Pacto Global das Nações Unidas

A “54ª International People’s Conference” contou com o alto patrocínio do presidente da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa. ■

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui