Viana do Castelo aprovou voto de louvor “a todos quantos contribuíram para o êxito da Romaria d’Agonia” 2022

Evento decorreu de 17 a 21 de agosto

0
45
Equipa reconhecida
- Publicidade -

O executivo municipal da Câmara de Viana do Castelo aprovou, por unanimidade, em reunião ordinária, um voto de louvor “a todos quantos contribuíram para o êxito da Romaria d’Agonia e para esta grande manifestação de amor a Viana do Castelo”. A proposta de voto, apresentada pelo Presidente da Câmara Municipal, Luís Nobre, destaca o esforço conjunto que permitiu o sucesso da festividade que aconteceu de 17 a 21 de agosto.

No voto de louvor pode ler-se que “dois anos depois da interrupção devido às restrições da Pandemia de Covid-19, a Romaria em Honra de Nossa Senhora da Agonia voltou a animar Viana do Castelo, as suas gentes e a sua economia e turismo”.

“Os vianenses e os forasteiros aderiram em massa ao programa e sentiram e viveram as festas em todo o seu esplendor. Ao longo dos cinco dias de festa, cerca de 1 milhão e 250 mil pessoas passaram pela cidade”, declarou o autarca no documento.

O voto indica que, “considerada a Rainha das Romarias, a Festa assumiu, este ano, uma dimensão ainda maior a vários níveis” já que juntou “visitantes de todo o mundo”, contou com figuras como o Presidente da República e reuniu milhares a assistir aos principais quadros do programa de cinco dias.

“Mas todo este sucesso retumbante, que fica marcado pelo número de pessoas presentes, pelo impacto económico direto e indireto nas festas, fica a dever-se ao esforço, trabalho e dedicação de muitos, que importa realçar sobretudo nesta altura de balanço que é o mais positivo possível: Ao Presidente da Comissão de Honra, Dr. Tiago Brandão Rodrigues e toda a Comissão de Honra, ao Presidente da Comissão Executiva das Festas, Eng. Parente da Cruz e a toda a Comissão de Festas, a todo o Executivo da Viana Festas e colaboradores, à Real Irmandade de Nossa Senhora d´Agonia, à Confraria da Sra d´Agonia, à população da Ribeira, às Juntas e Uniões de Freguesia, aos Grupos Folclóricos, às Escolas de Música, às Bandas, e às Associações do concelho e aos muitos voluntários que sentiram e colaboraram na organização deste evento e que garantiram o seu enorme sucesso”, lê-se no voto.

“E, numa edição marcada pelo recorde de presenças que obrigou a medidas excecionais em áreas como a limpeza e a segurança, o voto estende-se também aos funcionários municipais e dos serviços municipalizados envolvidos e às forças de segurança e de proteção civil que, para dar resposta ao significativo aumento de pessoas a Viana do Castelo, criou um Dispositivo de Prevenção Proteção e Socorro e instalou um Posto de Coordenação Conjunto, a ser guarnecido pelos oficiais de ligação dos Agentes de Proteção Civil, e por operadores de Telecomunicações da Companhia de Bombeiros Sapadores e que integrou a Companhia de Bombeiros Sapadores, Bombeiros Voluntários, PSP, INEM, Autoridade Marítima, ULSAM e Cruz Vermelha Portuguesa”, é ainda destacado.

No início de Agosto, o lançamento do livro de Ígor Lopes, “Festas d’Agonia – Viana do Castelo – Para Brasileiros e Lusodescendentes, na Biblioteca Municipal de Viana do Castelo, deixou claro que muito do que é sucesso nestas festas são fruto do trabalho de pessoas anónimas. A obra deste jornalista e escritor luso-brasileiro mostra os bastidores da celebração e sublinham como a Romaria auxilia na promoção de Portugal no mundo e na valorização da imagem de Viana do Castelo em vários países onde existem muitos lusodescendentes.  ■

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui