Procura trabalho em Portugal? Fábio Knauer defende: “esta é uma decisão que deve ser tomada com responsabilidade e cautela”

“Os desafios serão frequentes e muitas situações podem fugir ao controlo durante a experiência de viver em Portugal"

0
615
Fábio Knauer, empresário responsável pelas empresas "Aliança Portuguesa" e "Minha Morada"
- Publicidade -

Nos últimos anos, Portugal emergiu como um destino cada vez mais atrativo para aqueles que procuram uma mudança significativa nas suas vidas, seja por motivos profissionais, qualidade de vida ou simplesmente novas experiências culturais. Com as suas paisagens deslumbrantes, rica história e uma cultura acolhedora, o país tem atraído um número crescente de estrangeiros que vislumbram oportunidades de trabalho e residência.

Entretanto, é crucial abordar essa decisão com responsabilidade e cautela. Enquanto Portugal oferece inúmeras vantagens, é fundamental compreender as nuances legais associadas à imigração e ao emprego. Trabalhar no país de maneira legalizada é um requisito indispensável para evitar complicações legais e assegurar uma integração bem-sucedida na sociedade portuguesa. Os interessados em viver e trabalhar em Portugal devem estar cientes dos procedimentos necessários para obter autorizações de trabalho e residência.

A nossa reportagem conversou com Fábio Kanuer, empresário responsável pela Aliança Portuguesa, que atua entre Portugal e Brasil. De acordo com este especialista, existem alternativas específicas para quem decide viver e trabalhar em Portugal.

“Se é cidadão de um país membro da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), como Brasil, Angola, Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe ou Timor-Leste, poderá ter a possibilidade de obter um Visto de Procura de Trabalho em Portugal. Este tipo de visto permite que o estrangeiro entre em Portugal para procurar emprego e realizar entrevistas de trabalho. No entanto, as políticas de imigração podem variar e é essencial verificar as regras atuais quando estiver a planear a sua vida no país europeu”, considerou Knauer, que sublinhou que, “geralmente, os passos para obter um visto de procura de trabalho podem incluir fases como Requisitos, Documentação, Pedido de Visto, Emissão do Visto, Entrada em Portugal e Procura de Emprego”.

“Para trabalhar legalmente em Portugal, existem algumas etapas que devem ser seguidas para garantir que está em conformidade com a legislação do país. Os passos principais são Conseguir Emprego, Solicitação de Autorização de Residência, Segurança Social e Impostos e Manter a Documentação Atualizada. Ao seguir este passo a passo, as chances de permanecer regular em Portugal e construir um futuro promissor são efetivamente consolidadas e a diminuição dos riscos e intempéries são reduzidas devido à clareza da jornada”, explicou este responsável, que recordou ainda que “é importante também estar ciente de que o mercado de trabalho em Portugal pode variar dependendo da área e da demanda por profissionais estrangeiros”.

“Pesquisar as oportunidades disponíveis e entender os requisitos específicos para a sua área de atuação é fundamental. Por isso, recomendo sempre buscar orientação específica de uma empresa especializada ou de um advogado especializado em imigração ou dos órgãos competentes em Portugal para obter informações detalhadas e atualizadas sobre os requisitos e procedimentos necessários para trabalhar no país”, sugeriu Knauer.

Na opinião de Fábio Knauer, existe sete passos para o sucesso no Processo Imigratório, que são “estar absolutamente convencido da intenção de emigrar, optar pelo caminho correto, dentro da legalidade, planeamento financeiro, preparo psicológico, preparo profissional e análise de mercado, preparo habitacional e superar os desafios e construir o futuro”.

“Os desafios serão frequentes e muitas situações podem fugir ao controlo durante a experiência de viver em Portugal. Mudanças de emprego, possíveis alterações nas escolas das crianças e pressões culturais são comuns. No entanto, para aqueles verdadeiramente comprometidos com a vida fora, a persistência é a chave para superar todas as dificuldades. Não são poucos os desafios, mas Portugal oferece muitos benefícios. Aqueles que conseguirem superar os obstáculos sairão mais fortes e preparados para lidar com os desafios da vida. As outras dificuldades parecerão menores quando comparadas ao desafio da emigração, trazendo ganhos inestimáveis e uma mudança significativa de perspetiva de vida”, finalizou Fábio Knauer. ■

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui