O que veria Amália Rodrigues se visitasse o Fundão nos dias de hoje?

Fado, história e emoção são os "ingredientes" desta semana

0
689
- Publicidade -

A nossa reportagem conversou com Paulo Fernandes, presidente da Câmara Municipal do Fundão, município português que guarda as origens familiares da fadista Amália Rodrigues, para saber como evoluiu este concelho da região Centro de Portugal, com cerca de 27 mil habitantes, nos últimos anos. Abrimos espaço também para a fadista Ana Lopes recordar, desde Castelo Branco, canções eternizadas na voz da Amália. Veja mais na reportagem em vídeo. ■

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui