“Lutamos sempre para que o português esteja presente”, confirma dupla de artistas portugueses

Irmãos, Sandra e Ricardo levam a cultura lusitana ao redor do mundo através da música

0
1708
Ainda este ano a dupla pretende apresentar um novo álbum, “Saudade”, com canções escritas durante a pandemia de Covid-19
- Publicidade -

No cenário musical contemporâneo, há artistas que vão além de apenas entreter o público, pois tornam-se verdadeiros porta-vozes culturais ao disseminar tradições e identidades por meio da sua arte. É este o caso da dupla de irmãos lusodescendentes Sandra e Ricardo, naturais da Venezuela, mas que têm as suas raízes vincadas na Ilha da Madeira. Estes artistas têm conquistado destaque internacional ao espalhar a rica cultura lusitana através da música junto dos portugueses espalhados pelo mundo.

Embora tenham residido na Venezuela por cerca de 30 anos, Sandra e Ricardo vivem hoje em Portugal, fruto dos seus laços com o país, numa conexão enraizada nas suas memórias de infância e nas influências transmitidas pelas gerações anteriores. Esta herança cultural, aprendida desde cedo, tornou-se na força motriz por trás da sua música, impulsionando-os a partilhar o amor por Portugal com o mundo. Algumas canções da dupla contam com influências do folclore português e da cultura lusitana.

“Acho que é tão importante criar maneiras de estarmos mais próximos dos nossos e a música tem sido assim, tem sido uma linguagem universal que não interessa em que idioma possa estar a cantar, nós lutamos sempre para que o português esteja sempre presente, e é uma das coisas que nós estamos constantemente a fazer. Vamos pelo mundo levando diferentes géneros musicais, não só versões e adaptações de canções já conhecidas, como também as nossas músicas, as nossas experiências, sobretudo este sentimento de quem deixa a sua terra para ir à procura de novas oportunidades”, contou Sandra.

Através da arte, a dupla tem conquistado admiradores em diversos países, como Estados Unidos, Espanha, Brasil e Suíça, o que prova que a música é uma linguagem universal capaz de transcender barreiras geográficas e culturais. As suas apresentações despertam nas pessoas uma conexão emocional com a cultura portuguesa, estilo que é conhecido pelo seu rico legado proveniente do fado, além da música tradicional e contemporânea, que expressa a identidade e a história de um povo. Ao ser cantada em português, esta forma de expressão artística não só preserva a língua nativa, mas também exalta a diversidade e a riqueza cultural do país.

Sandra e Ricardo sabem como explorar esta poderosa ferramenta ao transmitir, com autenticidade e paixão, as tradições e os valores lusitanos. Como verdadeiros embaixadores da cultura portuguesa, Sandra e Ricardo têm conquistado corações e mentes por onde passam, enriquecendo a sociedade global com a herança única e vibrante de Portugal. A sua música serve como um veículo de divulgação ao permitir que pessoas de diferentes origens compreendam e apreciem as nuances e peculiaridades da cultura lusa.

Em entrevista à nossa reportagem no Funchal, a dupla recordou a relevância do trabalho em prol da cultura e do povo português.

“Tocar nas almas dos que assistem aos nossos espetáculos, das pessoas com as que partilhamos, trazer Portugal até aqui e reconhecer a importância que têm os nossos portugueses fora, o papel que tem para a continuidade e manutenção dos costumes e tradições, faz parte dos objetivos dos nossos espetáculos”, destacou a cantora Sandra.

Por sua vez, Ricardo celebrou o facto de haver pessoas e empresários que “apostam nos artistas lusodescendentes, que desenvolvem um trabalho de ‘formiguinha’, com muito amor, dedicação e disciplina, junto das comunidades, pois não é fácil, mas também não é impossível”.

Neste mundo cada vez mais conectado, artistas como Sandra e Ricardo utilizam a música como uma forma de promover a cultura portuguesa e difundir o amor pelo seu país natal. Sandra e Ricardo são hoje respeitados pelas comunidades portuguesas por onde passaram, sendo reconhecidos como verdadeiros representantes da identidade portuguesa ao mostrarem que a música pode proporcionar e transmitir as tradições e valores culturais.

Sandra e Ricardo já atuaram em diversos países como Qatar e África do Sul. Atualmente, estão a apostar em digressões pela Europa, com passagens por Luxemburgo e França. A Suíça é um dos países já visitados e que continua na lista de destinos a regressar.

Ainda este ano a dupla pretende apresentar um novo álbum, “Saudade”, cujas canções foram escritas durante a pandemia de Covid-19. ■

 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui