Do projeto à realidade: Fábio Knauer explica os desafios da abertura de empresas em Portugal

Estudo de mercado, documentos e plano de negócios são alguns dos pontos a ter em atenção

0
137
Fábio Knauer, Aliança Portuguesa
- Publicidade -

Muitos empresários e jovens empreendedores no Brasil pretendem internacionalizar as suas atividades. Mas o ambiente empresarial conta com culturas e desafios diferentes fora do Brasil. E é este cenário que os empresários que decidem abrir empresas em Portugal estão a enfrentar.

Nos últimos anos, diversas empresas de investidores do Brasil têm nascido em Portugal, uma movimentação que tem auxiliado na mudança económica do país europeu. Mas é verdade também que abrir uma empresa não é tarefa fácil, ainda mais quando se decide apostar no mercado de outro país.

Ter uma ideia de negócio não é suficiente para iniciar no mercado português. É preciso estar atento ao mercado nacional, respeitar a cultura do país, conhecer a legislação e apostar nos incentivos fiscais e programas de apoio ao empreendedorismo existentes.

“É preciso muito esforço e dedicação para que o seu negócio funcione e dê frutos em Portugal, que é um país com um rigor de mercado maior e com oportunidades diferentes das do Brasil. Nem sempre é possível fazer a sua empresa crescer rapidamente, mas, ter atenção aos detalhes pode fazer toda a diferença”, defendeu Fábio Knauer, responsável pela empresa Aliança Portuguesa.

Segundo este responsável, especialista em assessorar empresas e famílias que decidem emigrar do Brasil para Portugal, “o país europeu tem uma economia forte e dinâmica, com um mercado consumidor em expansão. Além disso, é membro da União Europeia, o que oferece acesso a um mercado de mais de 450 milhões de pessoas. Para empreendedores estrangeiros, Portugal oferece uma série de vantagens, incluindo os incentivos fiscais, que possibilitam que o investidor reduza os custos operacionais da empresa, por exemplo”.

Na opinião de Fábio Knauer, uma das fases mais importantes quando se decide investir em Portugal é seguir todos os trâmites legais necessários para se constituir a empresa.

“Antes de abrir uma empresa em Portugal, o empresário deve fazer uma pesquisa de mercado para entender o ambiente empresarial português e é importante conversar com outros empreendedores que já abriram empresas em Portugal para troca de experiências. Ou seja, estimulamos a análise do comportamento de compra do mercado consumidor da empresa que será aberta, e isso é imprescindível. A fim de que se entendam todas as necessidades e anseios dos consumidores para ofertar algo que tenha aceitação rápida do público alvo”, frisou Fábio, que destacou ainda que o ideal é “procurar ajuda profissional”.

“É sempre indicado e mais seguro, do ponto de vista empresarial, procurar auxílio profissional. Na Aliança Portuguesa, ajudamos muitas famílias e empresários a viverem e a investirem em Portugal através dos nossos serviços de assessoria não só empresarial, mas, também, no caso de pesquisas de certidões no Brasil e em Portugal, cidadania portuguesa e vistos. Temos uma equipa jurídica que auxilia em todo o processo de abertura da empresa e ajudamos a construir um plano de negócios sólido. Com planeamento e dedicação, é possível realizar o seu objetivo de abrir uma empresa em Portugal”, aconselhou Fábio.

A abertura de empresas em Portugal segue critérios, como a apresentação de documentos e qualificação do(s) sócio(s), comprovativo de morada e número fiscal, se já possuir, procuração com firma reconhecida por autenticidade, assinatura do pacto social e das declarações específicas dos sócios, pagamento das taxas e emolumentos e definição da área de atuação e certificado de admissibilidade para o nome pretendido. Quando a empresa é aprovada, existe uma confirmação através da expedição da Certidão da Empresa com número fiscal. Depois deste processo, e já resolvidas outras questões documentais, é possível abrir conta bancária em nome da empresa. A partir do momento em que a empresa estiver aberta, é preciso cumprir as exigências legais e tributárias. ■

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui