Com festa da torcida no embarque rumo ao Marrocos, Flamengo estreia nesta terça-feira no Mundial de Clubes da Fifa

Time de Vítor Pereira encara o Al-Hilal da Arábia Saudita na semifinal da competição

0
426
Equipe brasileira sonha com o título / Foto: Luiz Gontijo
- Publicidade -
Rumo ao tão sonhado Bicampeonato! O Flamengo estreia no mundial nesta terça-feira (7), contra o Al-Hilal, da Arábia Saudita. Os rubro-negros deixaram o Brasil rumo ao Marrocos com uma enorme festa da torcida, conhecida por AeroFla. O ônibus do Flamengo cruzou o portão de embarque do aeroporto Tom Jobim abraçado por torcedores.

O adversário desta semifinal é um velho conhecido do Flamengo. Em 2019, após o ano mágico das conquistas sob o comando de Jorge Jesus, o clube brasileiro bateu o saudita por 3 a 1, de virada. Alguns jogadores que estiveram nesta partida, estarão em campo novamente nesta tarde. São eles: Filipe Luís – que pode perder a vaga de titular para Ayrton Lucas – Gerson; Arrascaeta; Everton Ribeiro e Gabigol.
O time sofreu algumas mudanças, mas as reposições foram feitas à altura. Como guarda-redes, saiu Diego Alves (ex-Valência) e entrou Santos (campeão olímpico com a seleção brasileira). Teve troca na lateral direita, essa menos badalada. Saiu Rafinha (ex-Bayer de Munique) para a entrada de Matheuzinho (base do Flamengo). No miolo de zaga, Pablo Mari deixou o Flamengo rumo ao Arsenal, e David Luiz (ex-Chelsea e Benfica) o substituiu. Rodrigo Caio, campeão olímpico com a seleção brasileira, permanece no clube, mas lesionado perdeu a vaga para Léo Pereira (ex-Athletico Paranaense). Ao lado de Gerson, Willian Arão, atualmente no Fernebahçe da Turquia, deu lugar a Thiago Maia (ex-Lile da França). O quarteto de ataque continua, mas Bruno Henrique, lesionado, perdeu a vaga para Pedro, que esteve na Copa do Mundo do Catar com o Brasil.
A expectativa é de que, no próximo sábado (11), o Flamengo, ao superar o Al-Hilal, enfrente o Real Madrid. O duelo marcará o reencontro de Vinicius Junior e do Flamengo, clube que o revelou para o futebol. Mas para isso, o Real Madrid também precisa se classificar diante do Al Ahly do Egito, na próxima quarta-feira (8).
O Flamengo embarcou diante do seu torcedor, que confiante, cantava que o momento do Real Madrid chegaria. Entretanto, o time de Vítor Pereira não vive o melhor momento. No dia 28, o Flamengo, atual campeão da Libertadores e Copa do Brasil, enfrentou o Palmeiras, atual campeão brasileiro, pela final da Supercopa do Brasil. O rubro-negro saiu derrotado por 4 a 3. Mas o momento do Real Madrid também não é dos melhores. Antes de partir rumo ao Marrocos, os Merengues (2º colocado no Espanhol) perderam para o Mallorca (10º colocado no Espanhol) por 1 a 0. Além do momento ruim, o Real Madrid sofre com o desfalque de Mendy, e Courtois, Benzema, e Éder Militão são dúvidas. ■
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui