Casa do Brasil promove a Cova da Beira na TV brasileira

João Morgado mostrou Covilhã, Belmonte, Fundão e Serra da Estrela

0
220
Bastidores das gravações
- Publicidade -

Para apresentar a Covilhã, o escritor e presidente da Casa do Brasil – Terras da Cabral, João Morgado, acompanhou uma equipa de reportagem do programa “Assim é Portugal”, que conta com grande audiência neste país sul-americano.

O presidente da Casa do Brasil – Terras de Cabral mostrou as belezas da Serra da Estrela, incluindo a neve, as paisagens da cidade covilhanense e arredores, as unidades turísticas, a gastronomia local e regional e também a dinâmica da Universidade da Beira Interior (UBI), que recebe centenas de estudantes estrangeiros todos os anos.

“A UBI tem mais de mil alunos brasileiros, criou uma verdadeira comunidade entre nós e representa um importante elo com o Brasil. É uma porta aberta para acolher estudantes e investigadores brasileiros que querem a experiência do ensino superior europeu e uma cidade tranquila, segura e económica para viver. Por isso, insistimos em promover a Covilhã e a UBI no Brasil!”, explicou João Morgado.

O programa “Assim é Portugal”, acompanhado por João Morgado, e que realizou as gravações no final do ano passado, esteve ainda no Fundão, visitou Manteigas e, como não podia deixar de ser, esteve em Belmonte.

“A equipa brasileira visitou o Castelo e a Pousada em Belmonte, onde foi possível falar da história de Pedro Álvares Cabral e ficaram alojados no hotel Belmonte Sinai, onde tiveram contacto com a cultura judaica e provaram a comida ‘Kosher’”, destacou este responsável.

“Creio que foi um postal ilustrado da região e uma reportagem convidativa para o grande mercado brasileiro, que cada vez vê mais Portugal como um destino de estudos, de negócios e de vida. A Casa do Brasil quer fazer essa ponte, divulgar Portugal, a sua sociedade, cultura e economia, além de atrair investimentos brasileiros, também nas mesmas áreas. Por isso, temos procurado trabalhar com as entidades locais e mostramos resultados. Há depois um trabalho mais reservado no apoio aos migrantes que nos procuram, e nos pedem ajuda. Ainda recentemente, assinamos um protocolo de partilha e dinamização do Balcão do Migrante com a Associação de Socorros Mútuos Mutualista Covilhanense para podermos agilizar oficialmente algumas respostas a estas pessoas que continuam a chegar à região”, finalizou João Morgado.

Veja no vídeo abaixo a íntegra do programa, que irá exibir, nas próximas semanas, as demais localidades apresentadas pela Casa do Brasil na região. https://vimeo.com/687403207  

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui