Associação Empresarial de Portugal com comitiva de 12 empresas em São Paulo

"Maior feira do setor da distribuição da América Latina"

0
91
Estado de São Paulo representa 29,2% da receita total do setor
- Publicidade -

A Associação Empresarial de Portugal (AEP) e 12 empresas nacionais portuguesas vão participar na 36ª edição da APAS, a maior feira do setor da distribuição (agroalimentar e vinhos) da América Latina, que decorrerá no Brasil, em São Paulo, entre os dias 16 e 19 maio.

Segundo responsáveis pela AEP, que organiza a participação portuguesa na APAS em parceria com o Grupo Opal, “esta deslocação apoia as empresas no processo de diversificação de mercados e aumento das exportações e é uma oportunidade para as empresas consolidarem presenças e estabelecerem contactos com novos parceiros”.

Luís Miguel Ribeiro, presidente da AEP, recorda que “o Estado de São Paulo representa 29,2% da receita total do setor no país” e que esta cidade brasileira “é conhecida por reunir os grandes importadores/distribuidores que comercializam para todos os destinos de um país de dimensão continental”.

Na APAS vão estar as empresas Adega Cooperativa Figueira Castelo Rodrigo (vinhos comuns e licorosos), Colinas do Douro (vinhos comuns e licorosos), Ponto de Venda (Comunicação), Litografia Coimbra (impressão embalagens), Experience Active (Agência Publicidade), BNM Digital Solutions (Publicidade), Grande Porto (produtos alimentares, bebidas e tabaco), Douro´s Flavours (licores e de outras bebidas destiladas), Porto Reccua (vinhos comuns e licorosos), SIVAC Vinhos (vinhos comuns e licorosos), Bicafé (café a chá) e Caves de Vale do Douro (vinhos comuns e licorosos).

A edição deste ano da APAS inclui programas de negócios, com workshops e palestras sobre estratégias de marketing, e oferece master classes e sessões de degustação.

Na última edição, em 2019, a APAS recebeu 130 mil visitantes, 847 expositores (222 internacionais e oriundos de 19 países).

Note-se que o Brasil tem 202 milhões de habitantes, é a 9ª economia mundial e a 1ª da América Latina. Apesar da atual contração económica, começa a apresentar alguns indicadores com crescimentos significativos.

As exportações de Portugal para o Brasil, nomeadamente de vinho, continuam a aumentar, apesar do contexto difícil que a economia mundial vive. As relações comerciais com o Brasil continuam a ser de grande importância para Portugal, quer pelos laços históricos, quer pelo atual posicionamento mundial deste mercado no setor da grande distribuição. ■

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui