Assinado contrato que viabiliza banco de dados de comércio exterior da CPLP

Iniciativa será liderada pela Fundação Centro de Estudos do Comércio Exterior (FUNCEX), em parceria com a Confederação Empresarial da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CE-CPLP)

0
997
Evento em Lisboa teve a presença do presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas, do filósofo e sociólogo francês, Edgar Morin, que tem hoje 102 anos de idade, além de outras autoridades
- Publicidade -

A Fundação Centro de Estudos do Comércio Exterior (FUNCEX) e a Confederação Empresarial da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CE-CPLP) deram o pontapé de saída para viabilizar o projeto ‘COMEX Data CPLP’ que será o “maior banco de dados de comércio exterior alguma vez já produzido”. Este novo projeto prevê a realização de estudos e levantamentos que cruzarão os dados comerciais dos nove países aderentes à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). O objetivo central é fomentar o comércio dos Estados-membro da CPLP entre si e com outros países e demais blocos económicos no mundo.

O contrato para o desenvolvimento dessa base de dados foi assinado no último dia 4 de setembro durante a conferência “O Atlântico – A Nova Carta do Humanismo”, em Lisboa, no âmbito das celebrações do 27.º aniversário da CPLP. Em Portugal, Higor Ferro Esteves, diretor geral da FUNCEX Europa, será o gestor do projeto. O protocolo que viabiliza esta iniciativa entre a FUNCEX e a CE-CPLP havia sido assinado no dia 24 de abril, em Lisboa.

Na opinião de António Pinheiro, presidente da FUNCEX, este projeto beneficia as relações comerciais entre os países falantes de português.

“Hoje, mais um marco nas nossas relações ganhará notoriedade. Assinaremos um contrato com a Confederação Empresarial da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa no domínio das relações internacionais. (…) Será possível identificar oportunidades, promover encontros de negócios e viabilizar o acesso ao empresariado das nações da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) e também na Ásia”, comentou António Pinheiro durante o seu discurso.

Por sua vez, Higor Ferro Esteves defende que é necessário reforçar o papel da CPLP na conexão comercial entre os seus estados-membros e que o Brasil “reúne todas as condições para liderar este processo através da FUNCEX”, que conta com “experiência no desenvolvimento de bases de dados para o comércio exterior e na identificação de oportunidades”.

O evento na capital portuguesa contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas, do filósofo e sociólogo francês, Edgar Morin, que tem hoje 102 anos de idade, além de outras autoridades. ■

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui