Crise alimentar preocupa CPLP

A CPLP tem vindo desde 2011, com a aprovação da Estratégia de Segurança Alimentar e Nutricional (ESAN–CPLP), a conceder ao tema uma prioridade política

0
43
- Publicidade -
Francisco Ribeiro Telles, Secretário Executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)

O Secretário Executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Francisco Ribeiro Telles, deixou uma mensagem de evocação do Dia Mundial da Alimentação, a 16 de outubro de 2020.

Esta data assinala, este ano, uma grande preocupação com o agravamento da crise alimentar já sentida nos contextos mais vulneráveis, exponenciada pelo atual contexto mundial de pandemia da Covid-19.

A mensagem do Secretário Executivo, de solidariedade e alerta, faz eco das principais recomendações que têm sido emitidas pelas agências nas Nações Unidas e pelo seu Secretário Geral, que alertam para o facto de a pandemia poder fazer duplicar o número de pessoas que passa fome no mundo.

Nesse âmbito, o Secretário Executivo alude ao trabalho realizado pela CPLP, em parceria com a FAO, na promoção de sistemas alimentares sustentáveis e dietas saudáveis.

A CPLP tem vindo desde 2011, com a aprovação da Estratégia de Segurança Alimentar e Nutricional (ESAN–CPLP), a conceder ao tema uma prioridade política, realizando reuniões do seu Conselho Regional de Segurança Alimentar e Nutricional (CONSAN – CPLP) – órgão de governação que reúne múltiplos atores -, à margem das Conferências de Chefes de Estado e de Governo.

Desde esse ano, a Organização Internacional tem mantido uma participação regular nas reuniões do Comité Mundial de Segurança Alimentar, que reúnem a cada ano por ocasião do Dia Mundial da Alimentação e que constitui palco de debate para absorver orientação para modelos a seguir e como local onde partilhar importantes conquistas realizadas a nível regional no domínio da Segurança Alimentar e Nutrição. ■

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui