Cimeira Femina 2021 – A Língua Portuguesa é Património da Humanidade

725.º aniversário da adoção do Português como Língua Oficial de Portugal

0
136
- Publicidade -

A Matriz Portuguesa – Associação para o Desenvolvimento da Cultura e do Conhecimento, em parceria com a UCCLA e o Círculo de Escritores Moçambicanos na Diáspora, celebram o dia 5 de Maio, Dia Mundial da Língua Portuguesa – oficializado, em 2019, pela UNESCO -, com a realização da Cimeira Femina 2021 – A Língua Portuguesa é Património da Humanidade. A cimeira será realizada através da plataforma ZOOM.

A Cimeira Femina 2021, que conta com o apoio institucional do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, decorre no âmbito da comemoração do 725.º aniversário da adoção do Português como Língua Oficial de Portugal, orientada para as temáticas relacionadas com a importância estratégica da Língua Portuguesa e o seu impacto no Mundo.

Programa – 5 de Maio:

15h00 – Abertura

Mensagem de boas-vindas

Angélica Santos – Vice-Presidente da Matriz Portuguesa

Vitor Ramalho – Secretário-geral da UCCLA

15h15 – Oração de Sapiência

Francisco Nuno Ramos – Fundador do Observatório da Língua Portuguesa

Mensagens dos convidados de honra

16h00 – Painel “Novas Médias e Cinema” | Brasil

Curadora – Adriana Niermeyer. Agraciada com o Prémio Femina 2020 por mérito nas Artes: Cinema. Diretora artística do Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa – FESTin

Igor Guimarães – Crítico cinematográfico e blogger

Paulo Caldas – Cineasta

16h30 – Painel “Literatura e Poesia” | Angola, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste

Curador – Delmar Maia Gonçalves. Presidente da Assembleia Geral da Matriz Portuguesa. Presidente da Direção do Círculo de Escritores Moçambicanos na Diáspora. Membro da Direção do MIL: Movimento Internacional Lusófono. Coordenador Editorial da Editorial Minerva

Luís Costa – Escritor e linguista de Timor-Leste

Olinda Beja – Escritora e professora de São Tomé e Príncipe

Vítor Burity da Silva – Escritor e professor universitário de Angola

17h00 – Painel “Língua de prestígio e de Cultura” | Cabo Verde

Curadora – Vera Duarte Pina. Agraciada com o Prémio Femina 2020 por méritos relevantes na Excelência Profissional e Pessoal, e, que tenha contribuído para o prestígio da Lusofonia. Presidente da Assembleia Geral da Academia Cabo-Verdiana de Letras

Daniel Medina – Presidente da Academia Cabo Verdiana de Letras

Fátima Fernandes – Professora na Universidade de Cabo Verde

17h30 – Painel “Língua Internacional” | Portugal

Curador – João Micael. Presidente da Matriz Portuguesa e diretor da Academia de Protocolo

Victor Sereno – Embaixador de Portugal em Dacar, Senegal

18h00 – Encerramento da Cimeira

João Micael – Presidente da Matriz Portuguesa

Promo da Cimeira Femina 2021 disponível no link https://www.uccla.pt/sites/default/files/promo_a_lingua_portuguesa_e_uma_patria_cultural.mp4

Programa “Esfera Lusófona”:

3 de Maio

15h00 – Anfitrião: Delmar Maia Gonçalves

Convidado: Francisco José Fadul – Político e antigo Primeiro-Ministro da Guiné-Bissau

4 de Maio

15h00 – Anfitriã: Adriana Niermeyer

Convidado: Rui Lourido – Coordenador Cultural da UCCLA

6 de Maio

15h00 – Anfitriã: Vera Duarte Pina

Convidado: Manuel Brito-Semedo. Doutor em Antropologia, Especialidade de Etnologia, pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Professor universitário, membro fundador da Academia das Ciências e de Humanidades de Cabo Verde, da Cátedra Eugénio Tavares de Língua Portuguesa e da Associação de Escritores Cabo-Verdianos

7 de Maio

15h00 – Anfitrião: João Micael

Convidado: Embaixador João Ribeiro de Almeida – Presidente do CAMÕES – Instituto da Língua e da Cooperação

Toda a informação disponível no link https://cimeira-femina-summit.webnode.pt/cimeira-2021/

Sobre o Prémio Femina

O Prémio Femina foi criado em 2010 por João Micael, fundador e presidente da Matriz Portuguesa – MPADC – Associação para o Desenvolvimento da Cultura e do Conhecimento, para agraciar as Mulheres Portuguesas que se tenham distinguido com mérito, profissional, cultural e humanitariamente em Portugal ou no estrangeiro.

O Prémio Femina tem o Estatuto de Interesse Cultural, reconhecido pelo Ministério da Cultura, para efeitos de Mecenato Cultural, podendo as Entidades Mecenas usufruir de benefícios fiscais previstos na Lei.

https://premio-femina8.webnode.pt/

Sobre a Matriz Portuguesa

É uma instituição sem fins lucrativos, criada para o desenvolvimento da Cultura e do Conhecimento. Trata-se de um conceito inédito cuja acção irá despertar consciências, iniciando um novo ciclo da Matriz Portuguesa no mundo.

https://matriz-portuguesa.webnode.pt/

 

 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui