Câmara discute Bicentenário da Independência do Brasil no Encontro com o Autor

Convidado é o cientista político Christian Lynch, autor do livro “Da monarquia à oligarquia: História Institucional e Pensamento Político Brasileiro (1822-1930)”

0
41
- Publicidade -

A Câmara dos Deputados do Brasil recebe, nesta quinta-feira (24), às 18 horas, o cientista político Christian Lynch, autor da obra “Da monarquia à oligarquia: História Institucional e Pensamento Político Brasileiro (1822-1930)”. O bate-papo terá transmissão ao vivo pelo canal da Câmara no YouTube e pela página do Centro Cultural da Casa no Facebook. O público poderá enviar perguntas pelo chat do canal.

O evento é uma edição especial do “Encontro com o Autor”, promovido pelo Centro Cultural e pelo Centro de Documentação e Informação da Câmara, como parte das comemorações do Bicentenário da Independência do Brasil.

Sobre o autor

Christian Lynch é bacharel em direito pela Unirio; mestre em Direito pela PUC-RJ; doutor em Ciência Política pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Iesp-Uerj), antigo Iuperj, onde leciona atualmente como professor do programa de pós-graduação. É pesquisador da Fundação Casa de Rui Barbosa (FCRB), professor da pós-graduação em Direito da Universidade Veiga de Almeida (UVA); sócio honorário do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro (IHGB); presidente do Instituto Brasileiro de História do Direito (IBHD) e editor da Revista Insight Inteligência. Foi pesquisador visitante da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais de Paris e da Universidade de Lisboa.

Escreveu os livros “Da monarquia à oligarquia: História Institucional e Pensamento Político Brasileiro (1822-1930)”, publicado pela Editora Alameda em 2014, e “Monarquia sem Despotismo e Liberdade sem Anarquia: o Pensamento Político do Marquês de Caravelas”, publicado pela Editora UFMG em 2014.

Comemorações

A Câmara dos Deputados vem realizando diversas atividades, nos últimos anos, em alusão ao Bicentenário da Independência do Brasil, que será celebrado em 2022. Em 2017, a Casa lembrou os 200 anos da chegada da imperatriz Maria Leopoldina, esposa de Dom Pedro I, personagem importante no processo separatista. Em 2018, foi a vez dos dois séculos da aclamação de Dom João VI como rei no Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves. Um ano depois, o homenageado foi José Bonifácio de Andrada e Silva. Em 2020, foi lembrada a Revolução Constitucionalista do Porto e, neste ano, a eleição de deputados brasileiros para as cortes de Lisboa.

Mais informações sobre as comemorações do bicentenário estão na página “200 anos de independência do Brasil”, no portal da Câmara. ∎

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui